Deformidades na Coluna causam dor?


A nossa coluna vertebral é constituída por ossos chamados vértebras alinhados e sobrepostos. Ela é dividida em 4 regiões: cervical, torácica(ou dorsal), lombar e sacrococcígea. São 7 vértebras cervicais, 12 torácicas, 5 lombares, 5 sacrais e cerca de 4 coccígeas.

A Coluna Vertebral humana

Ao observar a coluna lateralmente (de perfil), ela apresenta algumas curvaturas que são consideradas fisiológicas (normais). São elas:
• Cervical- há uma curvatura convexa para frente, chamada de Lordose Cervical.
• Torácica ou Dorsal- há uma curvatura côncava para frente, chamada de Cifose Torácica.
• Lombar- há uma curvatura convexa para frente, chamada de Lordose Lombar.
• Sacrococcígea- há uma curvatura côncava para frente, chamada de Cifose Sacral.

Curvaturas Fisiológicas da Coluna Vertebral Humana

Quando uma destas curvaturas está aumentada, chamamos de Hipercifose (região dorsal e pélvica) ou Hiperlordose (região cervical e lombar). A hipercifose na região dorsal ou torácica é a famosa “Corcunda de Notredame”e a hiperlordose na região lombar é a famosa “Tanajura”.
Em uma vista anterior ou posterior, a coluna vertebral não apresenta nenhuma curvatura. Quando ocorre alguma curvatura neste plano chamamos de Escoliose,ou seja, é uma alteração na curvatura normal da coluna.

Corcunda de Notredame

A Escoliose é a deformidade na coluna mais comum. A idiopática (sem causa aparente) é a forma mais freqüente e pode ocorrer em todas as idades (crianças até idosos). Outras causas de escoliose são:
-congênita (devido a anormalidades ósseas estruturais),
-doenças neuromusculares (atrofia muscular espinhal, mielomeningocele),
-miopáticas (artrogripose, distrofias musculares, hipotonia congênita e miotonia distrófica),
-neurofibromatose,
-mesenquimal (Síndrome de Marfan, homocistinúria, Síndrome de Ehlers Danlos),
-traumática,
-tumores,
-osteocondrodisplasias (acondroplasia, nanismo, mucopolissacaridoses),
-metabólica (raquitismo, osteogênese imperfecta),
-neuropática (lesão medular ou cerebral, radiculopatias e neuropatias periféricas),
-postural e
-diferença entre o comprimento das pernas.
O grau do ângulo de curvatura da escoliose é importante para determinarmos o tratamento que deverá ser prescrito para o paciente.
Em geral preconiza-se que curvas menores de 10 graus somente necessitam observação e prática de atividade física bem orientada.Curvas de até 20 graus necessitam observação, de 20 a 40 graus as curvas entram na etapa de tratamento, com colete, fisioterapia e exercícios. Curvas acima de 40 graus passam a ter indicação cirúrgica a ser avaliada pela equipe médica. Na presença de curvas de mais de 60 graus, ocorre comprometimento da função cardiopulmonar, podendo haver uma doença pulmonar restritiva secundária em conseqüência da deformidade torácica (dificuldade de respirar e muito cansaço ao realizar atividades). A progressão da curva é mais comum durante o crescimento contínuo do esqueleto, contudo, sabe-se que curvas moderadas, de 40 a 50 graus podem ter progressão na vida adulta, em média de 1 a 2 graus ao ano.
Devemos lembrar dos riscos de aumento desta deformidade:
-curvas duplas e torácicas.
-idade menor, risco maior.
-pré menarca (meninas que ainda não menstruaram).
-sexo feminino.
-grau da curva alto na descoberta.
-osteoporose associada.
-doença neuromuscular associada.

Escoliose

A Cifose torácica normal varia de 25 a 45 graus . O aumento da Cifose torácica ou dorsal pode ter diversas causas:
• Congênita- falha na formação e estruturação óssea.
• Postural
• Doença de Scheuermann- cifoses dorsais acima de 45 graus acompanhadas de dor, em crianças por volta dos 10 anos de idade. A confirmação do diagnóstico se dá através de raio X que mostram anormalidades do crescimento de placas terminais de pelo menos três corpos vertebrais maiores de 5 graus em relação ao seu acunhamento. É uma cifose abrupta e fixa, geralmente acompanhada de dor.
• Mielomeningocele
• Tumor
• Trauma
• Doenças inflamatórias
• Doenças metabólicas

O tratamento da hipercifose é feito com reabilitação e reeducação postural. No caso da Doença de Scheuermann pode ser necessário o uso de colete OTLS (occipto-tóraco-lombo-sacro) quando ainda restam pelo menos dois anos de potencial de crescimento esquelético associado a programa de exercícios posturais.

Colete OTLS

A Hiperlordose Lombar causa um desequílibrio mecânico na coluna, sendo um dos principais responsáveis pela dor nesta região.
É atribuída a algumas causas, são elas:
• Postural
• Paralisias
• Congênita
• Flexão dos quadris
Os músculos abdominais fracos e um abdome protuberante são fatores de risco para a hiperlordose.
Caracteristicamente, a dor nas costas em pessoas com aumento da lordose lombar ocorre durante as atividades que envolvem a extensão da coluna lombar, tal como o ficar em pé por muito tempo (que tende a acentuar a lordose). A flexão do tronco usualmente alivia a dor, de modo que a pessoa frequentemente prefere sentar ou deitar.

A dor lombar nas costas da mulher grávida é causada principalmente pelo aumento da Lordose Lombar que aparece devido ao aumento da barriga. Este aumento desvia para frente o centro de gravidade da coluna e esta postura sobrecarrega músculos, ligamentos e discos.

Hiperlordose da mulher grávida

As deformidades na coluna vertebral podem estar relacionadas à dor devido a uma alteração postural que elas desencadeiam, originando a Síndrome Dolorosa Miofascial (Ver post “Síndrome Dolorosa Miofascial”) e algumas causas destas deformidades podem agravar a intensidade da dor.

Se você apresenta alterações na coluna vertebral, faça uma avaliação com um médico Fisiatra para ter um diagnóstico e uma prescrição de tratamento de reabilitação visando melhora da postura, da dor (controle e prevenção) e do seu condicionamento físico.

Anúncios

22 Comments

Gostaria de saber por que os médicos ortopedistas não dão atenção as alterações da coluna, por exemplo eu fiz uma panorâmica e tenho escoliose (um grau não preocupante) e uma cifose de 49º, porém tenho uma hérnia discal na L5/S1 e uma discopatia degenerativa na L4/L5 (cirurgia de retirada de hérnia de disco a 20 anos; sinto dispneia, ás vezes dor imprenssante na altura da cervical. O ortopedista não considerou as minhas informações e deixou por isto mesmo, a parte da hérnia e discopatia já foi vista pelo neurocirurgião e é cirúrgico mas a parte da dor na cervical ficou por isto mesmo.

    Olá, Fátima!
    Não sei responder sua pergunta. Não sei o porque de alguns médicos não darem atenção às queixas de seus pacientes.
    Para entendermos o que está acontecendo com você, é necessário fazer uma avaliação clínica. O Rx panorâmico não consegue identificar nenhuma discopatia, você pode ter se confundido. Ele serve principalmente para identificar alterações posturais como no seu caso, a cifose. A Cifose pode levar à dor e até dispnéia em casos mais graves, mas é necessário fazer o diagnóstico diferencial com patologias respiratórias e psiquiátricas. A hérnia por si só não causa dispnéia e em casos muito específicos é que causa dor e raros são os casos de cirurgia.(veja Posts “A Hérnia Discal”e Causas e Consequências da Hérnia Discal”)
    Sugiro que você procure um médico Fisiatra para lhe ajudar a ter um diagnóstico correto e prescrever o melhor tratamento medicamentoso e de reabilitação.
    Boa Sorte!

    Olá, eu tenho cifoescoliose e lordose acentuada. Fiz uma cirugia aos doze anos de idade para não piporar pq naquela época não havia jeito.Tenho 49 anos, sou casada, tenho dois filhos lindos e sou muito feliz, porém as dores são intensas. Tb tenho hérnida de disco, compresão na medula, artorise bico de papagaio mas nada mais pode ser feito pois já calcificou.Agora estou com apneía do sono devido ao problema. Olha só,porcure o hospita HTO, não é fácil conseguir uma vaga, mas vale á pena ficar na fila de espera, lá vc encontrará médicos especialistas em coluna excelentes!
    Boa sorte

      Olá Joseany!
      Que bom que conseguiu passar por um bom hospital e conseguiu bons especialistas!
      Você poderia dizer qual é este hospital HTO e onde se localiza, para as outras pessoas que precisam saberem encontrar?
      Obrigada

ola doutor tenho fortes dores na região lombar tive ernia de disco hipertrofia do ligamento osteoarticular degenerativa foi preciso faser tres cirurgia na coluna sendo a terceira artodeses 4 parafusos já fas onze mes que fis a ultima cirurgia depois dessas cirurgias qualquer esforço fisico que faço a dor fica insuportavel só alivia se me deito tenho 39 anos to preucupada com meu futuro fas tres anos que estou em beneficil trabalhava como diarista faxineira e agora nem minha casa posso limpar mais sinto cansaso ao ficar muito tempo de pé tenho muita fraquesa muscular tem perigo do meu problema se agravar e as medicações já não fasem efeito se o doutor poder me orientar ficarei agradecida

    Olá, Rosemeri!
    Pelo que contou, as cirurgias não foram suficientes para melhorarem seus sintomas. Você precisa fazer tratamento medicamentoso associado com reabilitação. Ficar na cama só irá piorá-los.
    Sugiro que procure tratamento com um médico Fisiatra em Centro de Reabilitações do SUS. Peça ajuda às assistentes sociais do posto de saúde mais próximo à sua casa.
    Boa sorte!

escoliose tem cura?qual o trantamento

este site me ajudou um pouco a entender um pouco + o que eu procurava/queria saber!

Oiii…….

é o seguinte fui ao médico e ele me disee q eu tnha q ir a um ortopedista imediatamente pois estava com problemas na coluna, meu avo me disse que um lado da minha cintura era reta e outro era curvado e um lado do meu ombro é mais alto do que o outro vc acha que eu tenho que eu tenho essa doença e tenho que ussar esse aparelho da foto 05 ou pode ser outro que sirva para a mesma coisa?

    Olá, Izabella!
    Entendo sua preocupação. Só posso responder esta pergunta com uma avaliação médica.
    Sugiro que você procure um médico Fisiatra para uma avaliação e determinar qual o melhor tipo de tratamento para você.
    Não fique com medo, quanto antes procurar ajuda, mais fácil será este tratamento.
    Boa Sorte!

marisa vieira da silva 20 de julho de 2010 às 13:43

minha filha tem doze anos e tem escoliose do adolescente, a curva da sua coluna esta em 48 graus, e forma um s.so que ela tembem tem uma deformidade na medula ,duas areas focais de diastomielia separadas uma da outra .gostaria de saber os riscos de uma cirurgia, e a necessidade de fazer uma cirurrgia nesse caso.
obrigada.

    Olá, Marisa!
    A sua filha tem indicação de fazer cirurgiapara a correção da escoliose, no entanto, é necessário fazer uma avaliação clínica e de seus exames radiológicos para definir qual o melhor método cirúrgico. Por este motivo, para saber quais os riscos da cirurgia é melhor conversar com o cirurgião que a avaliou.
    Boa Sorte!

eu tive neném há 3 meses atraz mas com 7 dias de vida ele veio a falecer nao tive resguardo pois fiquei muito abalada com a perda de meu filho e logo em seguida ou melhor um mes depois eu tive que me mudar depois da mudança começei a ter dificuldade de respirar sinto um peso debaixo do meu pescoço cansaço dores na coluna nos ombros nos braços meu coração fica acelerado pode ser a coluna

eu tive neném há 3 meses atraz mas com 7 dias de vida ele veio a falecer nao tive resguardo pois fiquei muito abalada com a perda de meu filho e logo em seguida ou melhor um mes depois eu tive que me mudar depois da mudança começei a ter dificuldade de respirar sinto um peso debaixo do meu pescoço cansaço dores na coluna nos ombros nos braços meu coração fica acelerado pode ser a coluna por favor me responda

    Olá, Simone!
    Seu quadro parece uma somatização da perda que você teve.
    Um psiquiatra poderá ajudá-la a se livrar destes sintomas.
    Procure ajuda o quanto antes.
    Boa sorte!

tenho escoliose será posso ser mãe?

    Olá, Lilan!
    A escoliose não impede ninguém de engravidar, mas quando isto acontecer você deverá tomar algumas precauções:praticar atividade física quando for liberada pelo obstetra e corrigir sua postura com RPG por exemplo.Se por acaso apresentar dor neste período, há algumas terapias que podem ajudar.
    Se você tem escoliose e pretende engravidar, procure um médico Fisiatra para fazer uma prevenção para não agravar seu quadro.
    Boa sorte!

tenho uma filha de 13 anos que tem essa doenca cifose ela usa o colete a 6 meses mas ta muito deficio ela fica nervosa porque e muito desconfortavel nao sei qui faso sera qui tem alguma cirugia pra isso

    Oi,Luciene!
    As cirurgias de coluna são muito radicais, têm muitos riscos e nem sempre um resultado satisfatório. Nestes casos, se o tratamento conservador é possível é a melhor opção. Sua filha tem 13 anos e já é capaz de entender o que é melhor para ela.Tenha uma conversa séria.
    Boa sorte!

eu tenhu dois desviu na coluna usei o colete 2 anos e deixei
só que nao melhorou ainta tenhu mal postura , tenho 12 anos e minha mãe quer que ue use novamente e eu nao quero é mt desconfortável e a pessoa paresse um robô-cop tem outra solução ? tbm nao quero fazer cirugia nenhuma
por favor tem algums outro troço pra usar ?

    Olá, Isabele!
    Infelizmente o colete é a melhor opção.ele é desconfortável pois está colocando sua coluna no lugar.O RPG pode ajudar a você a diminuir o tempo de uso do colete dependendo do caso.Não deixe de usar pois se não o fizer, poderá se arrepender no futuro.
    Boa sorte!

Deixe um comentário

Name and email address are required. Your email address will not be published.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <pre> <q cite=""> <s> <strike> <strong> 

%d blogueiros gostam disto: